A caverna dos cristais gigantes no México

As minas de Naica, na cidade de Chihuahua, no México são as responsáveis por um dos mais espetaculares locais do mundo. O espetáculo se deve aos cristais de selenite gigantes presentes em seu interior.

Com 300 metros de profundidade, as minas permaneceram ocultas até 2000, quando foi descoberta por um grupo de mineiros. Seu interior tem uma temperatura de aproximadamente 45º e umidade de 90%, o calor sufocante dentro da caverna pode matar uma pessoa em apenas 30 minutos. Por isso, os cientistas que vão ao local, são obrigados a usar trajes especiais e máscaras de oxigênio. E mesmo com esses equipamentos, só se pode permanecer na caverna um tempo máximo de 45 minutos.

A caverna tem a dimensão de um campo de futebol e a altura de um prédio de dois andares. Seus cristais medem cerca de 11 metros e podem pesar até 55 toneladas.

Em 2008, o cientista Penny Boston encontrou bactérias dentro das pequenas bolhas de ar que se formam durante o período de crescimento dos cristais. Ao estudar mais profundamente essa bactéria, constatou que não é algo parecido com nada já visto até agora na Terra.

Cientistas continuam explorando as minas, e creem na existência de uma outra caverna, com maior profundidade.

Informações: Natgeo

Anúncios

Uma resposta para “A caverna dos cristais gigantes no México

Sua opinião é muito importante para nós.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s