Cientistas criam captador solar que funciona embaixo d’água

Cientistas norte-americanos desenvolveram painéis solares subaquáticos. A tecnologia deve ser aplicada aos sistemas de sensores submersos, oferecendo maior autonomia aos equipamentos e permitindo que eles funcionem independentes das redes de transmissão.

O painel foi desenvolvido no Laboratório de Pesquisa Naval dos Estados Unidos e contraria as expectativas de que a baixa penetração da luminosidade natural seria um empecilho para a produção solar em alto mar.

Os testes iniciais provaram que o sistema é eficiente em profundidade de até nove metros. Nestas condições, a cada metro quadrado de células solares é possível produzir sete watts de energia, o que foi considerado um sucesso pelos cientistas.

“O uso de sistemas autônomos para fornecer monitoramento ambiental subaquático está aumentando. Embora a água absorva a luz solar, o desafio técnico é desenvolver uma célula que possa converter eficientemente esses fótons em eletricidade”, explicou Phillip Jenkins, do Laboratório de Pesquisa Naval.

Em vez de usar as células tradicionais de silício cristalino e silício amorfo, os pesquisadores usaram células de alta qualidade de gálio de fosfato de índio, que trabalham melhor embaixo da água.

Os benefícios dessa tecnologia não devem ser sentidos somente na marinha. O sistema pode auxiliar equipes que trabalham o tempo todo no fundo do oceano e precisam de energia. Com informações do Laboratório de Pesquisa Naval dos Estados Unidos.

Fonte: Ciclo Vivo

Anúncios

Sua opinião é muito importante para nós.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s